Como se move o Aston Martin V12 Vantage S

Já falamos aqui que o primeiro pedido feito pelo CEO Andy Palmer quando se juntou à Aston Martin em 2014, foi que se colocassem uma caixa manual de 7 velocidades manuais no Aston Martin V12 Vantage S.

Vamos agora descobrir os seus segredos?

Bem, com 575 Cv e uma transmissão manual de sete velocidades, este desportivo fará as delícias dos mais arrojados.

Esta nova caixa com o sistema AMSHIFT, permite através da integração de sensores para o posicionamento do pedal de embraiagem, trabalhado em conjunto com o posicionamento da mudança e a afinação da gestão do motor, replicar os efeitos do chamado “ponta-tacão” nas reduções.

Para quem não sabe e para condutores “normais”, o uso dos pedais simplesmente servem para acelerar e travar, ficando o volante com a tarefa total de virar ou de fazer mudanças de trajectória. Agora para condutores, ou melhor “pilotos” mais experientes, sabem que os pedais do carro podem servir para ajudar a equilibrar o carro ou mesmo para tornar as viragens mais precisas e mais rápidas.

Este sistema AMSHIFT pode ser utilizado em todos os modos de condução, contudo deve ser usado no modo Sport, no qual a resposta do acelerador é mais rápida.

No vídeo seguinte poderemos ver o que se pode esperar “ao volante de um Vantage S V12” a começar pelo rugido do seu motor V12 de 5.9 litros que debita uma potência de 575 CV a um binário máximo de 620 Nm.

Para concluir este Aston Martin V12 Vantage S acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,9 seg e a sua velocidade máxima é de 330 km/h.

Relacionados com esta noticia

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Notificar de
avatar
wpDiscuz