Fumar no carro influencia a sua desvalorização?

Um estudo realizado por especialistas em avaliação automóvel, indica que fumar no carro pode custar umas boas centenas de euros, no momento da sua venda. No Reino Unido, carros pertencentes a fumadores que fumam dentro do carro, podem sofrer uma desvalorização de cerca de 2000£ (mais de 2000€).

A principal razão, encontra-se no facto de a maior parte dos compradores, não quererem um carro com cheiro e manchas de fumo, por isso mesmo, os stands vêm assim diminuído o publico que não se importaria de comprar um carro pertencente a um fumador, logo irão ter que diminuir o seu preço de venda. Segundo o site  Carbuyer, 87% dos motoristas inquiridos, disseram que não comprariam um carro usado com indícios de que tivesse pertencido a fumadores, para quem fosse habitual fumar no carro. As estatísticas indicam ainda, que 2% dos condutores fumadores, também não comprariam um carro onde fosse hábito fumar.

Especialistas em detalhe automóvel, indicam que os produtos usados para eliminar os maus odores provocados pelo fumo do tabaco não funcionam, e que os odores provocados pelo fumo do tabaco, são difíceis de remover por completo.

Fumar no carro desvaloriza o carro, pois ]e extremamente difícil remover o cheiro a fumo, este entranha-se facilmente em todos os tecidos presentes no interior do carro, assim como, nas condutas de ar condicionado. Os métodos mais eficazes para atenuar estes cheiros, são a limpeza a vapor e a utilização de produtos de limpeza anti-bacterianos, processos que ainda acabam por ser algo dispendiosos.

E vocês comprariam um carro pertencente a um fumador?

Sigam-nos no Facebook  e subscrevam o nosso canal no Youtube

Fonte: autoexpress 

Relacionados com esta noticia

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar de