Porque é que a cilindrada de um motor e porque é que nunca é exacta?

A cilindrada de um motor é medida em centímetros cúbicos (cc), no entanto, também podemos usar os litros (lts) como unidade de medida, sendo os cc, a mais utilizada devido à sua maior precisão.

Os centímetros cúbicos servem também, para medir correctamente, o volume da mistura de ar/combustível que um motor é capaz de processar a cada movimento dos pistões, o que depois se traduz, na potencia útil debitada pelo motor.

 Veja tambémComo funciona a combustão de um motor?

Mas como é que a cilindrada de um motor influencia a sua potência final?

A cilindrada mede a quantidade de mistura disponível para queimar, quanto maior a cilindrada, maior a quantidade queimada e por consequente, mais energia é libertada, logo motores com cilindradas diferentes, produzem potencias diferentes. Se compararmos um motor 1.0 com um 2.0, o último irá queimar o dobro do primeiro, no entanto, isso não quer dizer que tenha o dobro da potência, pois a relação não é directa, existem outros factores que influenciam a potência do motor, como a construção, o combustível usado ou até mesmo se este é atmosférico ou não

Nos últimos anos, temos tido um downsizing dos motores e assim, as marcas têm conseguido obter mais potência de motores pequenos, de uma forma mais fiável, eliminando a necessidade de ter motores maiores e mais gulosos, tudo isto, para poder cumprir com restrições ambientais europeias.

Porque é que a cilindrada nunca é um valor exacto?

É comum arredondar a cilindrada de um carro, ninguém diz “tenho um 1996cc diesel”, mas porque é que a cilindrada raramente é um valor exacto? Prontos para uma aula de matemática?…

A cilindrada é a soma do volume de todos os cilindros do motor, para se obter esse valor, multiplica-se a área da superfície do cilindro, pela distancia percorrida pelo êmbolo. Depois de termos esse valor, só temos que o multiplicar pelo número de cilindros presentes no motor.

Visto que a fórmula para apurar a área de uma circunferência é:

Sendo valor de Pi um número decimal, que vai até à tricentésima casa:(3,14159 26535 89793 23846 26433 83279 50288 41971 69399 37510 58209 74944 59230 78164 06286 20899 86280 34825 34211 70679 82148 08651 32823 06647 09384 46095 50582 23172 53594 08128 48111 74502 84102 70193 85211 05559 64462 29489 54930 38196 44288 10975 66593 34461 28475 64823 37867 83165 27120 19091 45648 56692 34603 48610 45432 66482 13393 60726 02491 41273) e usando a engenharia mecânica, medidas milimétricas na concepção de várias peças dos motores, é quase impossível que esta fórmula matemática tenha como resultado um valor exacto. 

É quase preciso que Marte esteja alinhado com Júpiter para que isso aconteça. Seria preciso haver um engenheiro com algum tipo de obsessão compulsiva, para perder tempo a desenvolver componentes do motor, para que este cálculo desse um valor certo, habitualmente os engenheiros têm mais coisas com que se preocuparem…

Sigam-nos no Facebook e subscrevam o nosso canal no Youtube

Relacionados com esta noticia

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Tudo o que precisam de saber sobre o bloco do motor - MotorSpot.pt Recent comment authors
  Subscribe  
mais recente mais antigo mais votado
Notificar de
trackback

[…] Veja ainda: O que é a cilindrada de um motor e porque é que nunca é exacta? […]