A BMW quer por o serie 3 novamente na moda

Durante o boom de vendas dos SUV, modelos como o serie 3, sofreram uma queda significativa nas vendas. Mas a BMW revelou alguns dados do novo serie 3 e promete mudar o jogo.

As vendas de modelos do segmento D, poderão vir a aumentar e não apenas por causa da chegada de um novo Série 3, ainda que este represente uma grande percentagem de BMW.

Já Subscrevam o nosso canal no Youtube?

O novo modelo irá estrear no Paris Motor Show e promete ter um aspecto mais desportivo do que nunca. Segundo a BMW, o centro de gravidade do carro foi reduzido em 10 milímetros. O carro também pesa 55 kg a menos que seu antecessor.

As actualizações não param por aí, pois os engenheiros “aumentaram significativamente” os níveis de rigidez e este tem agora uma distribuição de peso perfeita, conseguindo assim a relação magica de 50:50.

Foi também desenvolvido um novo sistema de amortecimento inovador, que usa amortecedores ajustáveis. A BMW diz que eles operam “continuamente e progressivamente em relação ao curso da mola” e isto, permite que as imperfeições da estrada sejam neutralizadas “suavemente e precisamente.”

Enquanto a suspensão padrão tem como objetivo encontrar um equilíbrio entre o desportivo e confortável, a suspensão M Sport, favorece a primeira. Os carros equipados com a suspensão desportiva, terão uma altura ao solo reduzida em 10 mm e jantes de 18 polegadas, com pneus mistos.

Veja ainda: Caixa Manual já não faz sentido, segundo chefe da BMW M

Outra das novidades é um diferencial M, com uma função de bloqueio controlada eletronicamente, que está ligada ao sistema de Controlo Dinâmico de Estabilidade. A BMW diz que isso permite que o diferencial influencie preventivamente tanto o sub-viramento, como a sobre-viragem, sem a intervenção dos travões.

A BMW irá estrear um motor a gasolina de quatro cilindros “completamente revisto”. O motor será o quatro cilindros mais potente da marca e será aproximadamente cinco por cento mais eficiente em termos de combustível do que seu antecessor. Parte desse aumento na eficiência, deve-se ao aprimoramento da transmissão automática de oito velocidades.

Relacionados com esta noticia

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar de