10 maus hábitos de condução que estragam o carro

O nosso carro é um dos nossos bens mais caros que temos, por isso vamos ter cuidado nos maus hábitos de condução que desgastam o nosso carro. Existem importantes hábitos do dia-a-dia que precisamos de evitar se queremos prolongar o tempo de vida dos nossos carros sem necessitarmos de tantas idas ao mecânico.

Por isso aqui ficam os 10 principais maus hábitos de condução que podem causar danos ou um desgaste adicional:

  • Usar a posição Parking nas caixas automáticas:

Quando estaciona o seu carro, sobretudo numa zona com uma inclinação considerável use sempre o travão de mão do carro e nunca apenas a posição de segurança (designada por P) da caixa automática. Fazer isto está a aplicar a energia cinética do seu carro na transmissão. E lembre-se, que o que mantém o seu carro parado usando a posição P da caixa de velocidades é uma pequena partilha do tamanho do seu dedo mindinho.

  • Meter primeira ou recua sem que o carro esteja totalmente parado:

Este erro agrava-se com as caixas automáticas. Meter primeira ou recua sem que o carro esteja totalmente parado vai forçar a sua transmissão a fazer coisas que esta não está preparada, e que causam danos no eixo de transmissão a longo prazo.

  • Conduzir com o pé sobre o pedal da embraiagem:

Em carros com transmissão manual, muitos condutores por vezes tem o mau hábito de conduzir com o pé em cima do pedal da embraiagem fazendo alguma pressão. Este mau hábito vai provocar desgaste a longe prazo no sistema hidráulico em que as placas do sistema de embraiagem fazem pressão constante sobre o volante. Este hábito provoca um desgaste geral de todo o sistema de embraiagem em geral.

  • Conduzir com o carro na reserva ou abaixo desta:

Conduzir com muito pouco combustível no carro é prejudicial em dois sentidos. Um porque aumentamos o desgaste da bomba de combustível pois obrigamos a que esta trabalhe em esforço. Dois, porque no fundo do depósito existem sempre alguns restos e alguma acumulação de sedimentos e resíduos que podem provocar entupimentos no filtro do combustível. Com o tempo, essa acumulação poderá tornar o filtro ineficiente deixando passar partículas ou detritos para o motor.

  • Estar com o pé constantemente no travão nas descidas:

Este mau hábito em que os condutores por vezes pensam que estão mais seguros se estiverem de prevenção com o pé em cima do travão como se fosses fazer uma paragem de emergência aumenta o desgaste de todo o sistema de travagem, nomeadamente calços e discos de travão. Além disso este hábito provoca um aquecimento no sistema de travagem que por vezes tornam este menos eficiente na hora H.

  • Condução violenta com fortes acelerações e travagens:

Fazer uma condução agressiva além de aumentar o consumo do carro leva a um maior desgaste do motor, sistema de embraiagem e sistema de travagem.

  • Conduzir com a mão na manete das mudanças:

Nao é nenhum condutor de corridas pois não? Então perca esse mau hábito… O peso da sua mão, em algumas caixas, aumenta o peso sobre alguns componentes do sistema de transmissão, causando um desgaste que é obviamente desnecessário.

  • Andar com a mala cheia de coisas que não precisamos:

Quanto maior é o peso no nosso carro maior é o desgaste do mesmo. Além do aumento de combustível o peso extra provoca um desgaste adicional a todos os componentes do carro.

  • Ignorar o que o seu carro lhe indica:

Ignorar as luzes de aviso não é um bom hábito. Normalmente eles indicam o mau funcionamento de alguma componente do seu carro, que poderá agravar-se com o uso. Além das luzes de aviso ignorar “barulhos” estranhos também não é de todo recomendável. Se algo está diferente deve preocupar-se, perceber-se o que é e proceder-se à sua reparação o mais rapidamente possível.

Relacionados com esta noticia

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar de