O BMW M1 é um dos carros mais misteriosos que já vimos. É também um dos mais desejáveis, graças à sua história e acima de tudo, à sua raridade. Por isso mesmo, vale naturalmente uma quantia considerável de dinheiro.

Na verdade, um bom exemplar pode muito bem chegar a um valor de 7 dígitos e é por isso, que o facto de alguém ter deixado um BMW M1 num celeiro durante 30 anos, é quase doloroso de se ver.

Sigam-nos no Facebook e subscrevam o nosso canal no Youtube

A Mint Classics, um concessionário de carros clássicos da Classic Driver, encontrou recentemente um BMW M1 numa garagem no sul da Itália, onde ficou por mais de 30 anos. Embora não estivesse danificado, estava coberto de pó, detritos e completamente negligenciado.

Pelo aspecto,  parecia que este tinha sido usado como uma prateleira, enquanto sacos de lixo e pequenos caixotes de lixo estavam no capon empoeirado.

Felizmente, a Mint Classics pegou no BMW M1 e após uma restauração completa, o desportivo alemão está de volta e com um aspecto digno de um carro de colecção.

Por dentro da carroceria vermelha viva, encontra-se um motor de 6 litros que é uma autentica obra-prima. Desenvolvido por Paul Rosche, este motor tem acoplado a si, uma caixa manual de cinco velocidades e a tracção é enviada para as rodas de trás. 

Veja ainda: A arte de restaurar um carro antigo com peças feitas à mão

Com apenas 7.329 km, este BMW M1 tem um preço listado que ultrapassa o 1 Milhão de Euros. Imagino a cara de quem encontrou esta beldade enfiada num galinheiro…