O Toyota Camry deixou de ser vendido na Europa há mais de 14 anos, mas o sedan de segmento D da marca japonesa, parece estar de volta ao velho continente  em 2019 e deverá ser já apresentado no salão de Paris.

O modelo que será comercializado, pertence à oitava geração de um carro que os números classificam como o sedan do segmento D mais vendido no mundo, em virtude de mais de 700.000 unidades vendidas por ano e 19 milhões no total desde 1982, quando começou a sua produção.

Já nos seguem no Youtube? Subscrevam o nosso canal!

A geração actual explora a TNGA, a nova arquitectura do gigante japonês. O novo Toyota Camry será um sedan, que terá apenas uma plataforma híbrida auto-recarregável. O posicionamento deste modelo é estratégico, pois na Europa as cargas tributárias, cada vez mais são baseadas nas emissões de CO2 do veículo.

Assim, o motor de combustão será um 2,5 litros  a gasolina, auxiliado por um motor eléctrico. As especificações para o mercado europeu, ainda não são conhecidas, mas este deverá ser adaptado, face ao modelo comercializado nos EUA.

Na versão vendida nos Estados Unidos a potência combinada entre o motor de combustão e o motor eléctrico, é de 208 cavalos, potência que deverá ser mais reduzida em solo Europeu. Até então, o sedan da Toyota em solo Europeu era o Avensis, modelo que foi descontinuado no final do ano passado.

Veja ainda: Toyota Auris GRMN poderá a marca nos surpreender com um hot hatch?