Hyundai e Kia vão contra a maré e apostam nas célula de combustível.

À medida que as marcas apostam cada vez mais em veículos eléctricos, o futuro parece cada vez mais difícil para os veículos movidos a células de combustível, como é o caso do Honda Clarity, o Hyundai Nexo e o Toyota Mirai.

Apesar disso, o Grupo Hyundai Motors, revelou um novo plano a longo prazo, que abrange veículos com célula de combustível e visa acelerar o desenvolvimento de uma sociedade movida a hidrogénio.

Chamado de FCEV Vision 2030, o plano prevê que a Hyundai e a Kia, se tornem líderes em tecnologia de hidrogénio e aumentem a produção de células a combustível.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

O Grupo Hyundai Motors, tem planos ambiciosos e pretende produzir 700.000 células de combustível anualmente até 2030. Cerca de 500.000 delas, são destinadas a veículos com célula de combustível, enquanto as 200.000 unidades restantes, devem ser usadas em drones, empilhadoras e embarcações marítimas.

A empresa, espera que a procura por veículos de célula de combustível, aumente significativamente no futuro e que até 2030, sejam vendidos mais de 2 milhões de unidades.

Para atender a essa demanda antecipada, o Grupo Hyundai Motors e os seus fornecedores, irão investir aproximadamente 7 mil milhões de Euros, na pesquisa e desenvolvimento de células de combustível, bem como, na expansão de fábricas para as construir.

Em comunicado, o vice-presidente executivo do Grupo Hyundai Motors, Euisun Chung, disse: “Expandiremos nosso papel para lá do sector dos transportes e desempenharemos um papel fundamental na transição da sociedade global, para energia a limpa, ajudando a tornar o hidrogénio, numa fonte de energia economicamente viável”. “Estamos confiantes de que o poder do hidrogénio transcenderá o sector de transportes e se tornará um sucesso económico a nível global”.

Ainda não se sabe se os veículos movidos a célula de combustível terão sucesso, mas a Hyundai, anunciou planos para melhorar o sistema de célula de combustível que é usado no Nexo.

A empresa também realizou uma cerimónia inovadora, para a inauguração da sua segunda fábrica de células de combustível na Coreia do Sul. Isso permitirá à Hyundai aumentar a produção que ronda actualmente as 3.000 unidades anuais, para as 40.000 unidades anuais até 2022.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar de