O que acontece ao acelerar e travar ao mesmo tempo.

Acelerar e travar ao mesmo tempo, é algo que não fazemos todos os dias, ou pelo menos, nem todos o conseguem fazê-lo durante uma condução normal.

Um dos casos onde este cenário acontece muitas vezes, é quando nos carros de tracção traseira, decidimos fazer um burnout, onde é necessário travar as rodas da frente, para que as traseiras rodem livremente, para assim, poderem queimar borracha.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Como a travagem é distribuída pelas 4 rodas, existe sempre alguma resistência por parte dos travões nas rodas traseiras, pois está a ser aplicada força de travagem nesse eixo.

Hoje, trazemos mais um vídeo dos Russos loucos, do canal Garage 54, onde eles decidiram levar ao extremo este cenário, para assim, poderem ver qual seria o comportamento do sistema de travagem, quando exposto a tanto stress.

É certo que a maioria dos burnouts não duram tanto quanto o deste vídeo. Toda a acção, começa ao minuto 3:45 e continua até ao minuto 6:30, quando eles descobrem que os calços de travão já se encontravam mesmo em chamas. 

Descobrimos no final do vídeo, que o objectivo era realmente fazer com que os discos se partissem devido ao calor. Isso não acontece, apesar dos discos ficarem quentes o suficiente para ficarem em brasa. 

No entanto, o calor destrói completamente todos os calços de travão e até faz, com que os pinos deslizantes se deformam.

Num burnout de 30 segundos, os travões não ficariam tão quentes, mas certamente vão pensar neste vídeo, da próxima vez que decidirem fazer um.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notificar de