pneus sem ar

Pneus airless, ou pneus sem ar, já são usados ​​há vários anos, no entanto, ainda são objectos que estão em fase de desenvolvimento e de aperfeiçoamento. No entanto, eles poderão ser massificados muito em breve.

Em parceria com a Michelin, a GM irá começar a testar os pneus UPTIS no final deste ano, numa frota da Chevrolet Bolts.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Os testes são projectados, para ajudar a desenvolver os pneus, para que a GM, os possa equipar nos seus veículos de passageiros, já em 2024.

Os pneus sem ar, têm uma série de benefícios, pois são muito mais estáveis do que os pneus convencionais e não estão sujeitos a furos, como acontece com os pneus convencionais.

O seu desgaste irá ser muito mais regular, o que no fim de contas, irá aumentar a sua durabilidade, sendo assim, mais amigo tanto da nossa carteira, como do ambiente.

Não existindo o risco de furo, deixa também de ser necessário o tradicional pneu suplente.

A Michelin, estima que cerca de 20% dos pneus que saem de circulação todos os anos, são devido a perfurações ou desgaste irregular. No total, 200 milhões de pneus são descartados anualmente.

Com a introdução dos pneus sem ar, espera-se que estes números sejam diminuídos.