Evolution XI

Segundo alguns rumores que têm surgido nos últimos dias, a Mitsubishi parece estar a preparar a ressurreição do icónico Lancer Evolution, o que são óptimas notícias, pois tudo apontava que o nome Evolution, fosse dado a um SUV da marca, tal como aconteceu com o Eclipse.

A história dos Lancer Evolution, teve início em 1992, no entanto, foi interrompida abruptamente há 10 anos atrás, quando a Mitsubishi começou a sentir problemas financeiros e foi comprada posteriormente pela Nissan.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Inicialmente apresentado como um sedã de quatro portas, na sua ultima versão, o Lancer já se apresentava com uma versão hatchback, no entanto, o pedigree do Evolution, manteve-se reservado para a versão original.

Embora este modelo tenha sido descontinuado na maior parte dos mercados mundiais, o nome ainda continua presente em alguns mercados asiáticos, onde por lá continua a ser bastante famoso.

Os detalhes para o novo Lancer evolution ainda são escassos, mas os rumores indicam, que este terá como ponto de partida… O Megane RS… Sim leram bem, a Mitsubishi irá aproveitar alguma da tecnologia da aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, para se lançar novamente no segmento dos carros desportivos.

E sem esta aliança, seria muito difícil a Mitsubishi sequer pensar em lançar um novo Lancer Evolution, devido aos elevados custos de desenvolvimento.

Por isso mesmo, ele irá crescer a partir da plataforma utilizada pela Renault e deverá pedir “emprestado”, quer a transmissão, que o motor do Megane R.S.

No entanto, as alterações deverão ser profundas, pois como se sabe, o Lancer Evolution, é um carro que tradicionalmente se apresenta com tracção integral e isso não deve mudar. Espera-se que ele equipe o sistema de tracção integral S-AWC, que já estava presente no Evo X.

A nível de motor, também irão haver alterações, pois o Lancer Evolution, deve-se apresentar com níveis de potência semelhantes aos do Subaru Impreza WRX, que é o seu grande rival.

Para isso, existe a possibilidade de implementar um sistema híbrido, que poderá impulsionar a potência do motor do Megane R.S. para lá dos 350cv.

O renascimento do Lancer Evolution, faz parte do plano do presidente da Mitsubishi, Osamu Masuko, para devolver a mística que a marca outrora teve, no segmento dos carros desportivos e onde o Lancer Evolution era uma das referências.

Masuko, de 70 anos, deve entregar sua posição de CEO a Takao Kato. No entanto, o veterano da Mitsubishi continuará a liderar a empresa na posição de presidente.

Com as recentes alterações que estão previstas para o campeonato do mundo de Rallys (WRC), não é de toda descabida a ideia, de que a abertura do campeonato a carros de maiores dimensões, não possa abrir a porta novamente do WRC para a Mitsubishi, onde marcou presença durante diversos anos, com as várias gerações do Lancer Evolution.