boxster E

Numa altura em que o mundo automóvel converge rapidamente para a energia eléctrica, não é de estranhar, que as marcas tenham preparado e previsto esta tendência, com alguns anos de antecedência.

Uma delas, foi a Porsche, que em 2011, desenvolveu um protótipo totalmente eléctrico, chamado de Boxster E, que estaria bem à frente de seu tempo.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Este carro desportivo com tração integral e zero emissões, tinha motores elétricos duplos, que juntos, produziram 242 cv e um binário instantâneo de 539 NM. Além disso, este Boxster E, era apenas 185 kg mais pesado, do que o Boxster 987 no qual se baseava.

O seu sistema de motor duplo, permitia ir dos 0-100km/h em apenas 5,5 segundos, o que não é assim tão mau para um eléctrico com quase 10 anos. Teria então uma velocidade máxima limitada eletronicamente de 200km/h, para proteger a bateria de iões de lítio de 29 kWh.

Para além desta versão com AWD, a Porsche desenvolveu ainda, dois protótipos com tração traseira, que não equipavam o motor elétrico frontal, no entanto, estes teriam metade da potência do Boxster E de motor duplo.

Olhando para estes protótipos, é interessante ver, que a Porsche já desenvolvia a sua tecnologia de veículos eléctricos há mais de 10 anos.

Eu presumo, que este carro poderia ter competido directamente com o Tesla Roadster e sendo um Porsche, teria tudo para ser bem melhor, o que poderia ter mudado completamente a história automóvel e quem sabe, poderia ter impulsionado ainda mais a tecnologia EV.