quadriciclo/microcarro

A Euro NCAP, desenvolveu testes especiais, de forma a conseguir testar e avaliar, o quão seguros são os quadriciclos, também conhecidos na gíria, como “mata-velhos” ou “papa-reformas”.

Estes veículos, não estão sujeitos à mesma legislação, que os automóveis de passageiros e não necessitam de passar pela mesma bateria de testes de segurança, antes de serem vendidos.

Isto quer dizer, que equipamentos de segurança como os airbags, raramente são instalados neste tipo de veículos, pelo que, a segurança para os ocupantes, não é propriamente a coisa mais famosa do mundo.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

No entanto, é permitido a estes quadriciclos circularem na estrada, onde correm o risco de colisão com outros veículos de maiores dimensões, ou até mesmo, contra obstáculos.

Por isso mesmo, foram desenvolvidos alguns testes, que visam a classificar a segurança destes veículos, tendo apenas em conta a segurança para os ocupantes dos bancos frontais.

São realizados dois testes de colisão, um com um impacto frontal a 50km / h contra um elemento deformável e um outro, com um impacto lateral, também a 50km / h, contra uma barreira deformável.

A pontuação máxima em cada teste é de 16 pontos e as pontuações são somadas, de forma a calcular a porcentagem máxima. Com base nessa porcentagem, a classificação por estrelas é determinada.

Embora estes testes sejam bastante severos, tendo em conta que são apenas quadriciclos, eles são muito menos rigorosos, do que aqueles a que os outros veículos são sujeitos.

Aqui ficam alguns testes, a alguns dos modelos de quadriciclos/microcarros, mais vendidos no nosso país.