eau rouge

À primeira vista, comparar um carro de F1 e de GT, pode parecer uma comparação que não faz muito sentido, no entanto, não deixa de ser curioso comparar a diferença de tempo, que ambos os carros, demoram a fazer uma determinada secção da pista.

O local escolhido, foi Eau Rouge e graças a uma câmera montada a meio da descida, conseguimos ver os carros a passar, até estes desaparecerem da nossa vista, já no topo da subida.

Nos primeiros instantes a diferença de andamento entre o GT e o F1 não parece ser muito grande, mas à medida que a inclinação aumenta, conseguimos ter noção da vantagem que o F1 leva sobre o carro de GT.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Em grande parte, esta diferença dá-se pelo maior peso e tamanho que o carro de GT tem, quando comparado com o monolugar e o facto de o carro de F1 ser mais rápido, não espanta ninguém.

Para efectuar a comparação, foram usadas filmagens dos saudosos V8 da F1, pelo que podem contar com alguns segundos de excelente sonoridade.

Como tal, para exercício de comparação, o Ferrari F60 de 2009 foi comparado com o Corvette C6-R GT1, enquanto que, o Red Bull RB5 de 2009, foi comparado com o Maserati MC12 GT1.

Em ambos os casos, no final da secção, os F1 já levavam mais de 1,5s de vantagem sobre os GT, no final de uma volta, dá para ter uma ideia da diferença de andamento entre os carros.