gr 86

Quando a Subaru revelou a segunda geração do BRZ, no passado mês de Novembro, pensámos que a versão da Toyota, o GR 86, seria apresentado logo a seguir. No entanto, estávamos enganados, pois tivemos que esperar mais de 5 meses, para conhecer o terceiro modelo da linha GR da Toyota.

Sendo o GR 86 e o BRZ praticamente o mesmo carro, é normal que no que toca ao aspecto, tal como aconteceu com a primeira geração, estes sejam muito semelhantes e apenas se consigam distinguir através de alguns detalhes.

No caso da Toyota, temos uma grelha frontal de maiores dimensões e novas entradas de ar nas laterais do para-choques, assim como, assinaturas em LED ligeiramente diferentes, daquelas que encontramos no BRZ. Já na traseira, à parte do símbolo, o GR 86 e o BRZ são praticamente iguais, contando com um pequeno difusor na parte inferior do para-choques, acompanhado por uma dupla saída de escape.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Quando comparado com o modelo anterior, o GR 86 mantém os traços gerais, no entanto, esta nova geração, vem equipada com mais elementos aerodinâmicos, que acabam por dar a este carro um ar mais moderno e agressivo.

No que toca ao interior, a Toyota diz que optimizou o habitáculo do GR 86, para maximizar o foco durante a condução, re-posicionando o sistema de infoentretenimento, de forma a reduzir a necessidade de desviar o olhar da estrada. Quanto ao resto do design do interior, pode ser resumido com uma palavra: funcional.

Das fotos disponibilizadas pela Toyota, o interior do GR 86 parece ter todos os comandos ao alcance do condutor, bancos desportivos que prometem dar bastante suporte durante conduções mais animadas, mas acima de tudo, o elemento mais importante do interior, é a presença do velhinho “travão de mão”, que irá certamente fazer as nossas delícias.

O GR 86 irá equipar o mesmo motor de quatro cilindros de 2,4 litros atmosférico que encontramos no Subaru BRZ, mas com um ligeiro aumento de potência, passando a debitar 232cv e 250NM de binário. Estes números permitem ao GR 86 acelerar dos 0-100km/h em 6.3 segundos.

De acordo com a Toyota, a capacidade de resposta geral do motor foi aprimorada, para fornecer uma melhor transição entre as baixas e as altas rotações, diminuindo assim, o fosso de binário que encontrávamos no modelo anterior.

Tal como seria de esperar, o GR 86 irá manter a tracção traseira e terá como opção duas transmissões de 6 velocidades, uma automática e aquela que realmente faz sentido para este carro, uma transmissão manual.

A Toyota refere ainda que aumentou a rigidez estroctural do carro, permitindo que o seu comportamento em curva seja melhor do que o modelo anteriore. Tudo isto, faz com que a expectativa seja bem alta, pois o GT 86, foi um dos modelos mais divertidos que trouxemos aqui ao canal.

Infelizmente, vamos ter que esperar até ao início de 2022 para poder conduzir este carro, altura em que terá início a sua comercialização na Europa.