gr86

A Toyota, apresentou esta semana o novo GR86, que irá substituir o GT86, um dos carros mais divertidos que tivemos oportunidade de trazer aqui ao canal. Mas mal surgiram as imagens oficiais do carro, começaram a aparecer derivações, daquilo em que o GR86 se poderia tornar, uma delas, era uma versão do GR86 descapotável, imaginada pela X-Tomi Design.

Com esta configuração o GR86, passaria automaticamente a ser o concorrente natural ao Mazda MX-5, possuindo um layout e configuração em tudo semelhante, motor atmosférico colocado na parte da frente, tracção traseira e um equilíbrio de peso quase perfeito.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Este exercício de design, prevê a instalação de uma capota de lona retráctil, de forma a ser mais leve e fazer com que a agilidade natural do GR86 seja mantida e assim, proporcionar um grau de ‘pureza’ mais afinado.

Claro que face ao MX-5, este GR86 tem 2 lugares traseiros e por isso, não poderia ser considerado um roadster puro, mas no que à experiência de condução diz respeito, tem tudo para ser tão bom quanto o roadster mais vendido do mundo.

É certo que o motor 2.4 boxster de 232cv do GR86, é mais potente do que a versão 2.0 Skyactive do MX-5, mas a diferença ténue poderá ser facilmente esbatida, com o facto de o MX-5 ser um carro bastante leve, pelo que, em termos de performance poderiam ser bastante equivalentes.

Claro que tudo isto é um exercício imaginativo, porém, a Toyota já há muitos anos que não nos brinda com um carro sem tejadilho e indo ao encontro das afirmações do seu CEO, que alega que, os dias dos carros aborrecidos na Toyota acabaram, quem sabe um dia o GR86 descapotável, não poderá mesmo fazer parte dos planos da marca japonesa.