transmissão manual

Embora não o queiramos admitir, a transmissão manual parece estar a desaparecer. Para aumentar o conforto e para melhorar o consumo de combustível, os fabricantes apostam cada vez mais nas transmissões automáticas. No entanto, parece que a Ford procura prolongar a vida deste mecanismo e decidiu “evoluir” o conceito de transmissão manual.

O site americano Musclecarsandtrucks.com, descobriu uma patente registada pela Ford, que pelos desenhos, parece que a marca norte-americana, se encontra a trabalhar numa transmissão manual que não utilizaria um pedal de embraiagem.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Basicamente, os carros equipados com este sistema, manteriam a manete de velocidades e a capacidade de engatar manualmente as velocidades. No entanto, não haveria um pedal de embraiagem, em vez disso, a embraiagem seria activada electronicamente, mas mantendo sempre uma conexão hidráulica para accionar o sistema de embraiagem e os componentes mecânicos da própria transmissão permaneceriam inalterados face às caixas de transmissão manuais que utilizamos hoje.

Um dos objetivos da Ford com este sistema de embraiagem eletrónica, é acabar com alguns dos atributos negativos associados à condução de um veículo de transmissão manual no dia-a-dia, uma grande parte da razão, pela qual assistimos ao crescimento das transmissões manuais.

A ideia, seria manter a sensação clássica da troca de relação, ao mesmo tempo, que facilitava o accionamento eletrónico da velocidade, o que faria com que nunca existisse erro humano.

Tal sistema ainda não tem qualquer data definida para o seu lançamento, mas alguns rumores indicam que sua primeira aparição, poderá ocorrer já no novo Mustang, que chegará em 2023. Depois do Mustang, poderá ser alargada a qualquer outro modelo da marca, pois este sistema permite ser utilizado em qualquer tipo de veículo, quer tenha ele tracção frontal, traseira ou até mesmo, tracção integral.