sl 300 gullwing

Quando imaginamos um carro clássico como é o caso do Mercedes SL 300 Gullwing, a imagem que nos surge é um carro prateado, com jantes brilhantes e num perfeito estado de conservação, digno de ser apresentado em qualquer “montra”.

No entanto, esta ideia pré-concebida que temos dos carros clássicos nem sempre tem que ser assim e este SL 300 Gullwing, é o exemplo disso mesmo. Pessoalmente, partilho da opinião que um carro só deve ser totalmente restaurado, quando a sua integridade, impossibilita que este seja seguro para circular na estrada.

Nos restantes casos, acho que a imagem do carro, deve demonstrar aquilo que foi o seu passado e a sua vida. Este Mercedes SL 300 Gullwing, é o exemplo perfeito disso, pois para além de ser um carro cheio de história, os seus anteriores donos deram bom uso ao carro e isso, reflete-se no seu aspecto actual.

Nunca tendo sido restaurado, este W198, acredita-se que pertenceu a um productor de Hollywood e foi comprado originalmente, vestindo uma pintura branca de código “DB 50” e um interior em pele vermelha.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Em 1958, este foi comprado pelo segundo dono, que achou que o vermelho seria a cor perfeita para este carro e por isso, decidiu pinta-lo substituindo assim o branco original deste Mercedes. Assim andou durante mais de 150000 quilómetros, até que em 2018, este Gullwing acabou por ser comprado pelo seu terceiro dono, que decidiu remover a pintura vermelha, deixando o carro com o aspecto que tem hoje.

Dado que o carro esteve sempre no estado da Califórnia, raramente foi exposto a ambientes que pudessem por em causa a solidez estructural e embora o seu aspecto, o carro encontra-se em excelentes condições, quer a nível de interiores como de mecânica.

Este SL 300 Gullwing procura agora novo dono e está para venda, onde são pedidos quase 1.5 Milhões de Euros por este exemplar cheio de história, que ainda trás consigo detalhes surpreendentes para um carro com quase 70 anos, como é o caso das ferramentas originais, ou até mesmo, o livro de revisões original.

Este é sem dúvida nenhuma um daqueles carros, que conta uma história assim que olhamos para ele e embora não seja um carro capaz de ganhar um concurso de beleza, este é sem dúvida nenhuma um carro cheio de personalidade. Agora resta esperar que o novo dono mantenha o seu aspecto original, com todas as suas cicatrizes que tanto o caracterizam.