sem inspecção automóvel

A inspecção de um automóvel é obrigatória e a sua não realização dentro dos tempos previstos, é sancionada através de uma coima, caso seja apanhado em transgressão. De acordo com a lei, circular sem uma inspecção automóvel válida, pode resultar numa coima que pode ir até aos 1250€.

A primeira inspeção dos automóveis ligeiros de passageiros deve ser realizada 4 anos após a data da primeira matrícula e, em seguida, de 2 em 2 anos, até perfazer 8 anos. Posteriormente, a inspeção deve ser efetuada anualmente.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Embora esta seja a regra geral para a maior parte dos veículos, existem excepções que vale a pena ressalvar.

  • Ligeiros de mercadorias: 2 anos após a data da primeira matrícula e, depois, anualmente;
  • Ligeiros para transporte público de passageiros e ambulâncias, automóveis utilizados no transporte escolar e automóveis ligeiros licenciados para instrução, automóveis pesados de passageiros: 1 ano após a data da primeira matrícula. Em seguida, é exigida uma inspeção anual até ao 7º ano e, a partir do 8.º ano, semestralmente;
  • Restantes ligeiros, reboques e semi-reboques com peso bruto igual ou superior a 750 kg e não superior a 3500 kg (com exceção de reboques agrícolas): 2 anos após a data da primeira matrícula e, depois, anualmente.
  • Automóveis pesados de mercadorias, reboque e semi-reboques com peso bruto superior a 3500 kg, com exceção dos reboques agrícolas, automóveis pesados e reboques com peso bruto superior a 3500 kg utilizados por corporações de bombeiros e suas associações e outros que raramente utilizam a via pública, designadamente os destinados a transporte de material de Circo ou de Feira, reconhecidos pelo IMT:  1 ano após a data da primeira matrícula e, posteriormente, todos os anos

O não cumprimento destes prazos resulta numa infracção que poderá variar entre os 250€ e os 1250€, caso o veículo tenha reprovado e circule com deficiências do tipo 3, o valor das coimas variam também entre os 250€ e os 1250€.

Caso o veículo tenha inspecção obrigatória válida e o condutor não tenha consigo o comprovativo, a multa poderá variar entre os 60€ a 300€, valor que poderá ser reduzido de 30€ a 60€, caso a ficha de inspeção seja apresentada à autoridade indicada pelo agente de fiscalização, no prazo de 8 dias.

Ao contrário do que acontecia há uns anos, o dístico da IPO, já não necessita estar colado no vidro do carro.