pcv

Todas as partes do motor de um carro são importantes e o seu bom funcionamento, contribuem para um estado saudável do motor. Embora existam componentes que podem ser mais conhecidos do que outros pelo público em geral, existem pequenos componentes, que por vezes passam despercebidos e que quando deixam de funcionar correctamente, podem dar imensas dores de cabeça. É o caso da válvula PCV.

O que é uma válvula PCV?

“PCV” significa “positive crankcase ventilation”, em português, “ventilação positiva do cárter”. O cárter é o local onde o óleo do motor é armazenado e este, encontra-se na parte inferior do motor. Aquando do funcionamento do carro, são gerados gases resultantes da combustão e por vezes, estes infiltram-se entre os pistões para o cárter e não são expelidos pelo escape. Esta válvula, é a responsável pela sua extracção. Antes dos dispositivos de controlo de emissões, os sistemas de escape tradicionalmente liberavam os gases do cárter do veículo, o que era altamente prejudicial para o ambiente.

A passagem destes gases para o cárter, fazem com que eles se misturem com o óleo do motor, criando assim uma espécie de borra. Por isso, a extracção destes gases é bastante importante para manter a boa saúde de um motor.

Essencialmente, uma válvula PCV retira os gases do cárter e direciona-os de volta às câmaras de combustão, para serem queimados com segurança, sem prejudicar o veículo ou o meio ambiente.

Já subscreveram o nosso canal no Youtube?

Como sei se a PCV está em bom estado?

A válvula PCV, não é uma peça que tenha uma manutenção programada, no entanto, com o tempo, os gases que fluem através desta, deixam vestígios de óleo que a podem entupir. Caso esta válvula deixe de funcionar correctamente, deverá ter em atenção alguns sintomas:

  • Vedante da tampa das válvulas com fuga
  • Vestígio de óleo junto da tampa das válvulas
  • Consumo de óleo excessivo
  • Assobios vindos do motor
  • Possível perda de potência

Uma válvula com um funcionamento deficiente, não efectua a extracção dos gases, fazendo ocm que estes se acumulem no motor, aumentando assim a pressão no seu interior, o que leva a que algumas juntas fiquem danificadas e levem à fuga de óleo.

Muitas das vezes, quando um veículo começa a ter um consumo excessivo de óleo, vale a pena verificar a válvulas PCV, pois muito possivelmente será a causa do problema. A sua troca é bastante barata, dependendo das marcas, poderá rondar entre os 15€ e os 50€, um valor substancialmente mais baixo do que abrir o motor para verificar os componentes internos.

A sua localização e aspecto varia com a marca, nos modelos da BMW, Mini e alguns ex PSA, a sua forma é a de um êmbolo e encontra-se colocada na tampa das válvulas, já em outras marcas apresenta uma forma mais pontiaguda e poderá estar colocada na tampa das válvulas ou junto do cárter do motor.